quarta-feira, setembro 22, 2021
Home Política Senador pede convocação de ex-mulher de Bolsonaro para a CPI

Senador pede convocação de ex-mulher de Bolsonaro para a CPI

O senador Alessandro Vieira anunciou há pouco que apresentou um requerimento para convocar Ana Cristina Siqueira Valle, ex-mulher do presidente Jair Bolsonaro, para depor na CPI da Pandemia.

A justificativa apontada pelo parlamentar foi a existência de diálogos que apontam a suposta atuação dela na “intermediação de interesses de lobistas diante de autoridades públicas”. Ana Cristina é mãe de Jair Renan Bolsonaro, o filho 04 do presidente.

Mãe e filho se mudaram recentemente para uma mansão em Brasília, como revelou VEJA.

Mensagens extraídas do celular de Marconny Faria, que atuou lobista da Precisa Medicamentos e faltou ao depoimento na CPI nesta quinta, indicam que Ana Cristina atendeu a um pedido dele e entrou em contato com o Palácio do Planalto para exercer influência no processo de escolha do defensor público-geral federal junto ao então ministro da Secretaria-Geral da Presidência, Jorge Oliveira, hoje ministro do TCU.

As conversas constam em material sigiloso enviado pelo MPF do Pará à comissão, obtidas por meio de investigação sobre desvio de recursos públicos em um órgão ligado à Pasta da Saúde.

No requerimento, Vieira aponta que Faria atuou como lobista da Precisa, que é investigada pela CPI por conta de irregularidades na compra da vacina Covaxin, “de modo que a sua relação próxima com a ex-esposa do Sr. Jair Bolsonaro deve ser amplamente esclarecida, com vistas a examinar potencial atuação ilícita de ambos no contexto da pandemia”.

- Advertisment -