domingo, setembro 26, 2021
Home Brasil Oposição tentará barrar na Justiça desfile de tanques no Planalto

Oposição tentará barrar na Justiça desfile de tanques no Planalto

Parlamentares da oposição no Congresso tentam barrar na Justiça a realização do desfile militar da Marinha previsto para esta terça-feira em Brasília

Integrantes da Força irão circular pela capital federal em veículos blindados para entregar, na porta do Palácio do Planalto, um convite endereçado ao presidente Jair Bolsonaro, para que ele compareça a uma exibição de tropas no final do mês. 

A parada é vista por opositores como uma demonstração de força de Bolsonaro depois de uma semana de falas golpistas do chefe do Executivo. Ela está prevista para ocorrer na hora em que o plenário da Câmara dos Deputados estiver pautando a votação do voto impresso. 

O deputado federal Ivan Valente (PSOL-SP) anunciou nas redes que entrará com um mandado de segurança na Justiça do Distrito Federal contra o desfile. Segundo ele, a movimentação é uma ameaça ao Congresso e um “golpismo inaceitável”. 

Já o senador Alessandro Vieira (Cidadania-SE), integrante da CPI da Pandemia, também usou as redes para informar que entrou na Justiça para impedir o “gasto de recursos públicos em uma exibição vazia de poderio militar”.

“As Forças Armadas, instituições de Estado, não precisam disso. Os brasileiros, sofrendo com as consequências da pandemia, também não. O Brasil não é um brinquedo na mão de lunáticos”, afirmou Vieira, que apresentará a ação em conjunto com a deputada federal Tabata Amaral.

 

- Advertisment -