domingo, setembro 26, 2021
Home Política O custo da omissão do governo na tragédia da pandemia

O custo da omissão do governo na tragédia da pandemia

Se passaram 15 meses de pandemia. Há mais de 20,5 milhões casos confirmados de infecção. No entanto, o Ministério da Saúde ainda não conseguiu definir uma política nacional de testagem para detecção do vírus, embora tenha os testes e os insumos.

O governo Jair Bolsonaro ainda consegue surpreender no fiasco da gestão da pandemia, e o caso da testagem é exemplar.

Em nova avaliação da política contra a Covid-19, o Tribunal de Contas da União constatou que “a estratégia” do ministério é a de esperar que pessoas com sintomas decidam procurar os serviços de saúde e solicitem a realização de um teste de detecção da doença, “sem estabelecer qualquer meta, ação ou objetivo de acordo com os resultados.”

Ministros do TCU fizeram questão de registrar em relatórios seu espanto com a descoberta da existência de 14,4 milhões de testes disponíveis para o ministério, até abril passado — 6,8 milhões de unidades comprados da Organização Panamericana de Saúde e 7,6 milhões pendentes de entrega pela Bio-Manguinhos, sem contar o que teria sido possível produzir no Instituto de Tecnologia em Imunobiológicos durante esses 15 meses de emergência sanitária.

Significa que nesses 15 meses de pandemia o governo possuía todos os meios para realizar uma campanha nacional de testagem na população, como ocorreu no Chile, Estados Unidos, Inglaterra, Israel, Alemanha e Nova Zelândia, entre outros. Mas decidiu se omitir, segundo o TCU.

Não fosse essa “conduta omissiva”, observou o relator do caso no tribunal, Benjamin Zymler, o Ministério da Saúde “poderia ter auxiliado o país a evitar o recrudescimento da pandemia em 2021”.

O TCU abriu processos para individualizar a culpa no âmbito administrativo. No Senado, a CPI da Pandemia vai enquadrar o caso na listagem de crimes de responsabilidade. Custo da omissão do governo na tragédia da pandemia: 574 mil mortes registradas até à noite de ontem.

- Advertisment -