sábado, junho 19, 2021
Home Brasil Bolsas mundiais operam sem direção definida com investidores à espera de reunião...

Bolsas mundiais operam sem direção definida com investidores à espera de reunião do BCE e inflação nos EUA

stocks mercado ações índices bolsa baixa queda crash sell

Os índices futuros americanos têm desempenhos variados nesta quinta-feira (10). As bolsas europeias têm tendência de quedas, após as asiáticas fecharem sem resultado definido.

Investidores do mundo todo aguardam a divulgação de dados relativos à inflação nos Estados Unidos, que devem ajudar a compreender se as pressões de preço são temporárias com o início da recuperação da economia após o impacto da pandemia. E se há perspectiva de que o Federal Reserve altere sua política quanto a juros e compra de títulos.

Na quarta-feira, os índices Dow, S&P 500 e Nasdaq recuaram, afastando-se de seus patamares recordes. O S&P está a 0,44% de seu patamar recorde, enquanto que o Dow e o Nasdaq estão a 2% de distância.

Novamente, a sessão foi marcada pela movimentação de “ações-meme”, que são alvo de compras coordenadas organizadas por investidores reunidos em comunidades nas redes sociais, como Clean Energy Fuels e Clover Health.

As ações da varejista americana de videogames GameStop caíram 10%, apesar do anúncio pela empresa de que o ex-executivo da Amazon, Matt Furlong, deverá ser seu próximo CEO. Apesar desta notícia ser considerada positiva, a Securities and Exchange Commission (que tem um papel próximo ao da Comissão de Valores Mobiliários no Brasil) realizou um pedido de informação sobre a empresa, e a GameStop ingressou com um pedido para a venda de 5 milhões de ações adicionais.

Os Estados Unidos publicarão dados sobre preços ao consumidor às 9h30. Economistas ouvidos pela Dow Jones esperam que o CPI (sigla em inglês para Índice de Preços ao Consumidor) indique alta de 4,7% dos preços em maio na comparação anual, frente à alta de 4,2% registrada em abril.

Há semanas, os investidores vêm demonstrando preocupação sobre se a inflação irá levar o Federal Reserve a reduzir o seu ritmo de compra de ativos, ou então a sinalizar uma alta na taxa de juros. Até o momento, o Fed vem indicando que encara a aceleração da inflação como temporária, e que pretende manter as políticas vigentes.

As bolsas asiáticas fecharam em sua maioria com altas na quinta-feira. Na região, investidores também aguardam os dados sobre inflação nos Estados Unidos.

Na China continental, o componente Shenzhen subiu 1,19%, enquanto que o Shanghai composto subiu 0,54%; em Hong Kong, o índice Hang Seng caiu 0,1%; no Japão, o Nikkei recuou 0,34%; na Coreia do Sul, o Kospi subiu 0,26%.

As bolsas europeias têm desempenhos variados entre si. O índice Stoxx 600, que reúne as ações de 600 empresas de todos os principais setores de 17 países europeus, recua 0,09%. Ações do setor automotivo caem 1,4%, enquanto que aquelas dos setores de saúde e tecnologia sobem 0,5%.

Também na região investidores aguardam os dados sobre inflação nos Estados Unidos, além da reunião do Banco Central Europeu, marcada para esta quinta.

Parte dos investidores espera que a instituição reduza sua política de estímulos. Outros, que o banco mantenha a política atual devido à perspectiva econômica incerta, buscando evitar uma piora das condições do mercado financeiro.

Na reunião desta quinta, o Banco Central Europeu deve atualizar suas projeções trimestrais para inflação e crescimento, além de sua decisão sobre a taxa de juros, acompanhada de uma coletiva de imprensa. A decisão sobre a taxa de juros será divulgada às 8h45.

Além disso, o primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, se encontrará nesta quinta com o presidente americano, o democrata Joe Biden, como preparação do encontro do G7 em Cornwall, que se inicia na sexta-feira. O G7 é composto pelas sete economias mais industrializadas do mundo: Alemanha, Canadá, Estados Unidos, França, Itália, Japão e Reino Unido.

Veja o desempenho dos principais índices às 6h30 (horário de Brasília):
*S&P 500 Futuro (EUA), +0,06%
*Nasdaq Futuro (EUA), -0,18%
*Dow Jones Futuro (EUA), +0,14%
Europa
*FTSE (Reino Unido) +0,24%
*Dax (Alemanha), -0,02%
*CAC 40 (França), -0,24%
*FTSE MIB (Itália), -0,59%
Ásia
*Nikkei (Japão), +0,34% (fechado)
*Hang Seng Index (Hong Kong), -0,01% (fechado)
*Kospi (Coreia do Sul), +0,26% (fechado)
*Shanghai SE (China), +0,54% (fechado)
Commodities e bitcoin
*Petróleo WTI, +0,043%, a US$ 69,99 o barril
*Petróleo Brent, +0,11% a US$ 72,3 o barril
*Bitcoin +7,24%, a US$ 37.129
**Contratos futuros do minério de ferro negociados na bolsa de Dalian com alta de 0,68%, cotados a 1178 iuanes, equivalente hoje a US$ 184,33 (nas últimas 24 horas).
USD/CNY = 6,39

Entre no grupo do InfoMoney no Telegram para ter acesso a este conteúdo e faça parte de uma comunidade de mais de 177 mil pessoas que acompanham a plataforma.

O Telegram do InfoMoney oferece gratuitamente uma cobertura em tempo real do mercado financeiro. Traz também análises e as principais notícias que movimentam as Bolsas, aqui e no exterior.

The post Bolsas mundiais operam sem direção definida com investidores à espera de reunião do BCE e inflação nos EUA appeared first on InfoMoney.

- Advertisment -